drowning_290857

Carta Aos Náufragos Existenciais

Caro náufrago, Tenho 41 anos e posso dizer que passei mais tempo da minha vida tentando descobrir quem sou e para que sirvo do que aprendendo qualquer outra coisa.  A palavra que mais uso para me definir é náu...
FCJ_2013_ANISA_Kaito_Shamidaiko_002

E se nada der certo?

A primeira vez que pensei numa profissão foi quando estive no consulado do Japão no Recife. Fui lá inusitadamente, porque era vizinho a um outro escritório onde minha mãe deveria pegar algum documento. Lembro...